Ajuste as velas

12:35



Às vezes o vento muda de direção, às vezes para de ventar, às vezes surge um tornado e vai levando nossa casa.

Você acabou de arrumar suas gavetas e, de repente, cadê a meia cor de rosa que eu deixei aqui ? Passou um vento. Tudo mudou de lugar. Você precisa recomeçar.

Recolher os cacos, passar uma vassoura e jogar no lixo o que já não tem serventia.
Tudo pronto de novo, de volta ao barco. Navega-se bem, com boa velocidade e excelentes condições do clima e do mar. Você quase já consegue ver a terra firme.

O vento mudou de direção de novo.

Ajuste as velas, segure o timão, consulte a bússola. É preciso redefinir o trajeto.
Através dos olhos marejados, vejo a terra mais distante. O vento está levando o barco na direção contrária, não estou no controle, nunca estive.

Solte as mãos do grande volante, deite na proa, olhe para o céu.

Durma na proa, no balanço o sono vem.


Quando acordar, já vai ser dia claro e os pés tocarão a areia outra vez.

You Might Also Like

0 comentários

O que cê achou?